sábado, 4 de junho de 2011

Em Chamas - Saga Jogos Vorazes, de Suzanne Collins


ATENÇÃO, SPOILERS!!
Para ler a resenha de Jogos Vorazes, clique aqui.



Depois de ganhar os Jogos Vorazes, competição entre jovens transmitida ao vivo para todos os distritos de Panem, Katniss agora terá que enfrentar a represália da Capital e decidir que caminho tomar quando descobre que suas atitudes nos jogos incitaram rebeliões em alguns distritos. Dessa vez, além de lutar por sua própria vida, terá que proteger seus amigos e familiares e, talvez, todo o povo de Panem.
Mistura de ficção científica com reality show, passando pela mitologia e pela filosofia, Em Chamas é o segundo volume da bem-sucedida trilogia iniciada com Jogos Vorazes, mais novo fenômeno da literatura jovem dos últimos tempos.

Editora: Rocco
ISBN: 9788579800641
Ano: 2011
Número de páginas: 416

Se pra mim Jogos Vorazes já foi aquela coisa, Em Chamas precisava ser muito bom pra chegar à altura. 
E, lógico, conseguiu. Essa Suzanne Collins é viciante, viu!

O livro começa alguns meses depois do fim dos últimos Jogos Vorazes, pouco antes de Katniss e Peeta começarem um tour por todos os distritos, tradição que todos os vencedores sempre cumprem. Mas, mesmo parecendo que tudo é glamour pra quem vê de fora, Katniss agora está andando na corda bamba: depois do final dos Jogos, o povo de Panem adotou-a como um símbolo da revolução que estava dormente, mas agora começa a crescer com força total. E, claro, o Presidente Snow precisa de alguém pra culpar, e começa a fechar o cerco em volta dela.

Até que chega a hora do novo sorteio dos Jogos Vorazes desse ano, o de número 75, que são especiais: a cada 25 anos, os Jogos são chamados de Quarter Quell (gente, desculpa, li a versão em inglês e não achei a tradução exata de algumas coisas), e se diferenciam dos outros por terem uma punição a mais: no primeiro os Distritos tiveram que votar em quais tributos queriam mandar, no segundo foram chamados o dobro de tributos de cada distrito, e nesse... Bom, digamos que a punição sorteada é tudo que o Presidente queria em tempos de revolução...

Não queria falar muito do desenrolar da história pra não ter muitos spoilers, mas consegue ser melhor que o primeiro: ainda muito clima de reality show, muito sofrimento, e agora ainda tem a revolução prestes a explodir pra deixar tudo mais tenso. A personagem de Katniss, que já é super bem explorada, continua, assim como Peeta, e aparecem outros personagens pra complementar o círculo dos principais. E, ao mesmo tempo que a narrativa sobre o Quarter Quell vai se desenrolando, você percebe a revolução no resto de Panem crescendo, e já dá pra imaginar como vai ser o próximo.

0 comentários:

Postar um comentário

sábado, 4 de junho de 2011

Em Chamas - Saga Jogos Vorazes, de Suzanne Collins

Postado por Xu às 17:23

ATENÇÃO, SPOILERS!!
Para ler a resenha de Jogos Vorazes, clique aqui.



Depois de ganhar os Jogos Vorazes, competição entre jovens transmitida ao vivo para todos os distritos de Panem, Katniss agora terá que enfrentar a represália da Capital e decidir que caminho tomar quando descobre que suas atitudes nos jogos incitaram rebeliões em alguns distritos. Dessa vez, além de lutar por sua própria vida, terá que proteger seus amigos e familiares e, talvez, todo o povo de Panem.
Mistura de ficção científica com reality show, passando pela mitologia e pela filosofia, Em Chamas é o segundo volume da bem-sucedida trilogia iniciada com Jogos Vorazes, mais novo fenômeno da literatura jovem dos últimos tempos.

Editora: Rocco
ISBN: 9788579800641
Ano: 2011
Número de páginas: 416

Se pra mim Jogos Vorazes já foi aquela coisa, Em Chamas precisava ser muito bom pra chegar à altura. 
E, lógico, conseguiu. Essa Suzanne Collins é viciante, viu!

O livro começa alguns meses depois do fim dos últimos Jogos Vorazes, pouco antes de Katniss e Peeta começarem um tour por todos os distritos, tradição que todos os vencedores sempre cumprem. Mas, mesmo parecendo que tudo é glamour pra quem vê de fora, Katniss agora está andando na corda bamba: depois do final dos Jogos, o povo de Panem adotou-a como um símbolo da revolução que estava dormente, mas agora começa a crescer com força total. E, claro, o Presidente Snow precisa de alguém pra culpar, e começa a fechar o cerco em volta dela.

Até que chega a hora do novo sorteio dos Jogos Vorazes desse ano, o de número 75, que são especiais: a cada 25 anos, os Jogos são chamados de Quarter Quell (gente, desculpa, li a versão em inglês e não achei a tradução exata de algumas coisas), e se diferenciam dos outros por terem uma punição a mais: no primeiro os Distritos tiveram que votar em quais tributos queriam mandar, no segundo foram chamados o dobro de tributos de cada distrito, e nesse... Bom, digamos que a punição sorteada é tudo que o Presidente queria em tempos de revolução...

Não queria falar muito do desenrolar da história pra não ter muitos spoilers, mas consegue ser melhor que o primeiro: ainda muito clima de reality show, muito sofrimento, e agora ainda tem a revolução prestes a explodir pra deixar tudo mais tenso. A personagem de Katniss, que já é super bem explorada, continua, assim como Peeta, e aparecem outros personagens pra complementar o círculo dos principais. E, ao mesmo tempo que a narrativa sobre o Quarter Quell vai se desenrolando, você percebe a revolução no resto de Panem crescendo, e já dá pra imaginar como vai ser o próximo.

0 comentários on "Em Chamas - Saga Jogos Vorazes, de Suzanne Collins"

Postar um comentário